Nosso Site MS A notícia em Angélica a um clique de você

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Irmãos mortos: Carro estava a 160 km/h e motorista vai responder por duplo homicídio
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Irmãos mortos: Carro estava a 160 km/h e motorista vai responder por duplo homicídio

O motorista de 25 anos que atropelou e matou os irmãos Higor Silva Barbosa, de 10 anos e Helloá Glésia Gonçalves Nascimento, de 20 anos, responderá por duplo homicídio doloso e lesão corporal. O acidente aconteceu na noite do sábado em Nova Casa Verde, distrito de Nova Andradina. A mãe das crianças também foi atropelada e se recupera no hospital de Nova Andradina.

De acordo com o que disse ao Jornal da Nova o delegado Caio Leonardo Bicalho, além de levar 160 quilos de maconha no Kia Cerato, o motorista estava a 160 quilômetros por hora quando atropelou a família. As placas do carro também eram adulteradas e o veículo é produto de furto ou roubo.

Ainda conforme a polícia, ele segue detido após a prisão em flagrante. O motorista é da Bahia e não tinha carteira de habilitação.

Em depoimento, o motorista disse à polícia que perdeu o controle da direção enquanto fugia da PRF (Polícia Rodoviária Federal), após furar bloqueio, e por isso acabou atingido a família que estava no canteiro da BR-267. Depois de entregar a droga na região de Dourados, o jovem voltaria para São Paulo. Pelo serviço, ele recebeu R$ 4 mil adiantado e o restante seria pago após o fim do serviço.

Acidente
A perseguição teve início, segundo informações iniciais, quando o condutor do Kia furou uma barreira policial na rodovia BR-267. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) fazia a perseguição ao veículo suspeito que após ter atropelado a mãe e os dois filhos, colidiu em uma carreta. O motorista ficou preso dentro do carro e por pouco não foi linchado por moradores da região.

A família foi atropelada enquanto estava no canteiro central da rodovia. Eles estariam a caminho de um ponto de ônibus. Os corpos de Higor e Helloá, que cursava Medicina no Paraguai, foram levados para o IML (Instituto Médico Legal) de Nova Andradina, neste domingo.

Fonte: MidiaMax

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Irmãos mortos: Carro estava a 160 km/h e motorista vai responder por duplo homicídio

Enviando Comentário Fechar :/

Artigos Recentes

Notícias da Capital