Nosso Site MS A notícia em Angélica a um clique de você

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Ministério nega R$ 8 milhões para pacientes com câncer na Santa Casa
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Ministério nega R$ 8 milhões para pacientes com câncer na Santa Casa

O Ministério da Saúde negou recurso para a criação de dois projetos voltados ao atendimento a pacientes com câncer na Santa Casa de Campo Grande. Com objetivo de comprar equipamentos de ressonância magnética e de capacitar equipes do hospital no cuidado paliativo desses pacientes, as iniciativas precisam de mais de R$ 8 milhões para sair do papel.

Os projetos foram inscritos pela Santa Casa no Pronon (Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica) e foram indeferidos pelo secretário executivo do Ministério da Saúde, o médico João Gabbardo dos Reis, nesta quinta-feira, dia 26 de dezembro.

Com investimento de R$ 6.939.200,00, o primeiro projeto apresentado pelo hospital pedia a aquisição de equipamento de ressonância magnética, que seriam usados no diagnóstico em menor tempo e com maior precisão no setor de oncologia da unidade.

A segunda iniciativa, feita em parceria com a Sesau (Secretária Municipal de Saúde em Campo Grande), previa a capacitação das equipes multidisciplinares da Santa Casa em cuidados paliativos, que são uma série de práticas para oferecer dignidade e diminuição de sofrimento a pacientes incuráveis.

Conforme decisão publicado no Diário Oficial da União de ontem, outros 110 projetos diretamente ligados ao atendimento a pacientes com câncer, capacitação das equipes, e apoio da família dos pacientes em todo o Brasil, foram indeferidos pelo secretário executivo do Ministério da Saúde.

Agora, todas as unidades têm prazo de cinco dias para recorrer da decisão. Para a reportagem, a Santa Casa de Campo Grande afirmou em nota que está “perplexa” e sem entender os motivos que levaram ao indeferimento dos projetos.

Segundo o hospital, por lei, o Ministério da Saúde precisa especificar os motivos para negar os recursos, o que não aconteceu. “O Ministério da Saúde não especificou o real motivo dos indeferimentos. As Santas Casas de todo o Brasil estão perplexas sem saber o que houve no Ministério da Saúde. Enviaremos um ofício impetrando recurso, inclusive solicitando os pareceres técnicos e demais esclarecimentos acerca dos indeferimentos publicados”, diz a nota.

 Fonte: Campo Grande News 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Ministério nega R$ 8 milhões para pacientes com câncer na Santa Casa

Enviando Comentário Fechar :/

Artigos Recentes

Notícias da Capital